Saiba mais sobre a 3ª Jornada de Educação Transformadora nos Territórios de Identidade da Bahia

No fim de novembro, Salvador recebeu a 3ª Jornada de Educação Transformadora nos Territórios de Identidade da Bahia.

O encontro é resultado da parceria do programa Escolas Transformadoras, que integra a rede do Movimento de Inovação na Educação, com a Superintendência da Educação Profissional e Tecnológica da Secretaria da Educação do Estado da Bahia.

Participaram da jornada mais de 200 técnicos, coordenadores pedagógicos, diretores, vice-diretores e professores da Educação Profissional da Bahia.

Com a finalidade de trocar boas experiências, o evento debateu sobre uma educação transformadora que considere as potências do território e da comunidade, abrindo possibilidades para que os estudantes sejam protagonistas e vejam sentido em seu aprendizado.

Escola transformadora

O Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) do Baixo Sul foi uma das escolas presente na 3ª Jornada de Educação Transformadora da Bahia.

Recentemente, a CETEP passou a desenvolver projetos e atividades que pudessem trazer aos professores e estudantes um sentido maior em suas vidas.

“Queremos despertar na comunidade uma motivação para que possam decidir sua própria formação. Não é uma questão de garantir um número razoável de matrículas, e sim um número de matrículas de qualidade. O que importa é o estudante ter satisfação. Ele vai ser feliz na escola? Sua experiência na escola vai ter sentido? Ele se identifica com o que estuda? Daí saberemos que o nosso projeto deu certo”, afirmou a educadora Talyta Borges Bezerra.

3ª Jornada de Educação Transformadora nos Territórios de Identidade da Bahia. Crédito: Escolas Transformadoras

Imagem: Escolas Transformadoras

O encontro contou com a presença de Nildon Pitombo, Subsecretário da Secretaria da Educação do Estado da Bahia; Antonio Lovato, co-coordenador do programa Escolas Transformadoras e articulador do Movimento de Inovação na Educação; Durval Libânio, Superintendente da Educação Profissional e Tecnológica da Secretaria da Educação do Estado da Bahia; Hanayana Brandão, Diretora de Organização Curricular e Pedagógica da Educação Profissional; a deputada estadual Fabíola Mansur; e o deputado estadual Marcelino Galo

A programação teve ainda a participação de Pilar Lacerda, da Fundação SM; Valdecir Nascimento, empreendedora social reconhecida pela Ashoka e fundadora do Instituto Odara; e Germano Ferreira, presidente do SERTA (iniciativa inovadora cadastrada no MIE); além da exibição de dois episódios da série Corações e mentes, escolas que transformam (veja trailer abaixo):

Com informações de Escolas Transformadoras. Veja matéria completa:

Você será redirecionado para a matéria em 10 segundos.

Caso isso não ocorra, por favor, clique aqui.