05/08/2019

“Quero na Escola Especial Professor” conecta pedidos por atividades a voluntários

professorEm sua 4ª edição, o projeto Quero na Escola Especial Professor está com inscrições abertas até o dia 10 de setembro. A iniciativa recebe pedidos de professores da rede pública por atividades diversas, conectando-os a voluntários cadastrados no projeto qualificados para realizá-las. O projeto é fruto da parceria entre a plataforma Quero na Escola e a Fundação SM.

Como funciona

Os professores devem cadastrar seus pedidos por assunto em que um voluntário poderia ajudar. Pode ser por alguém que tenha uma habilidade útil em um projeto especial, como um fotógrafo para registrar uma atividade, ou uma pessoa que dê um depoimento para aprofundar uma aula, como um imigrante.

Um dos pedidos feitos, por exemplo, é de um professor de Física que para envolver seus alunos nas aulas sobre o universo, teve a ideia de pedir para os estudantes que lessem “O Guia do Mochileiro das Galáxias” e produzissem pequenas histórias de ficção científica. Agora, ele busca a visita de um entusiasta do gênero sci-fi para visitar a escola e motivar os alunos a escrever sobre o tema.

Os pedidos serão exibidos por assunto e escolas com a localização geográfica e quem puder ajudar fará a inscrição. A plataforma faz então a conexão entre as demandas dos docentes e o agendamento das visitas.

O processo culmina com a realização das atividades em outubro, mês em que se comemora o Dia dos Professores.

Assista depoimentos do Quero na Escola Especial Professor